terça-feira, abril 29, 2008

Don't you know you fool, you never can win?

In spite of the warning voice that comes in the night and repeats and shouts in my ear.



Veludo aos meus ouvidos. Porque depois de saltar, eu preciso cair em lugares macios.
Good song for rainy mornings. Sinatra e Bono pra me lembrar quem sou.
Quem?

sábado, abril 26, 2008

Das andanças

Eu adoro tatuagens. As minhas, como diz um amigo meu, são marcadores de páginas. Ilustram a minha história. Pena que não posso mais fazer: desenvolvi uma frustrante reação alérgica à tinta. Mas ainda gosto muito de ver e acho amazing encontrar pessoas que levam o assunto ainda mais a sério.

Mais aqui.
****

Não acho exatamente sexy. Dá dó. E alguns, uma baita vontade de botar no colo. Sean Penn, em especial, e esse outro aqui...


As imagens fazem parte da mostra Crying Man, de Sam Taylor-Wood.
****

Olha isso, que delícia: bailarinas (clássicas!) dançando Where is My Mind, do Pixies, que eu adoro (basically por fazer parte da trilha sonora de Fight Club):



Roubei do Boing Boing.
****

Hei babe: já pensou em como seria pornografia para deficientes visuais? Isso é o que eu chamo de inclusão social ;)
****

Rolando de rir sozinha no sábado à noite com as interpretações inusitadas para placas de advertência, no WebLuv, da Luiza Roll (do Favoritos! :D)
Pra você ter uma idéia, essa aí é "Não cumprimente o pingüim"

quinta-feira, abril 24, 2008

Padre voador até aqui

Não resisti. Leia isso e fique fã do Xico você também :)

RONDÓ DO PADRE VOADOR

Ô vontade de fazer como o padre dos balões coloridos
E pelos ares dar um belo perdido

E cair vivo beeeeem distante
Como um Walt Whitman delirante

Mesmo que na ilha
não tenha sequer um radinho de pilha

O que vale é virar um Robinson Crusoé
...só pra ver qualé, mané!

Mesmo que lá não tenha futebol
E os deuses brinquem de chutar o sol

Mesmo que não tenha puteiro...
Me acabo na mão feito colher de pedreiro

Dou um belo balão no cartão visa
E vou viver de flozô e brisa

Recitando Vinícius e Bandeira
Para a minha mulher-bananeira

Ô vontade de fazer como o padre maluco
E cair direto na Aurora, Recife, Pernambuco

Porque mais vale um vigário voando
Do que dois ateus vagabundos

Mesmo que nos ares vire uma noviça
E dê até para o coroinha da missa

Ô vontade de ser o padre perdido
que deu um balão em Jesus Cristo

Quem me dera a coragem do vigário
E eu deixasse mesmo de ser otário.

Saísse de vez do plano terreno...
Pense!, imagine, meu caro John Lennon!

quarta-feira, abril 23, 2008

Outros terremotos



Eu não sou disso, quem me conhece, sabe. Mas ô inferno astral. Tava mesmo demorando. Sem fotografias dos olhos inchados, que ninguém merece - já chega quem está vendo ao vivo. Só tentando não me sentir folgada e incompetente. E tendo certeza de que, se esse sentimento carreira descontrol perdurar, não duro muito nisso.

"Eu estou vestido com as roupas e as armas de Jorge. Para que meus inimigos tenham mãos e não me toquem; para que meus inimigos tenham pés e não me alcancem; para que meus inimigos tenham olhos e não me vejam; e nem mesmo pensamentos eles possam ter para me fazerem mal." Salve Jorge, no dia dele.

sexta-feira, abril 18, 2008

Painel Blogger de recados

ou Limpando o Desktop.

Para bons entendedores...


(Des)Animação: Adam York Gregory.
Fonte: Smelly Cat
***

Esse é recado, mesmo.


***

Beautiful pictures


Daqui, que também tem esse post lindo sobre o Dia do Beijo.

quarta-feira, abril 16, 2008

Hm

How many cannibals could your body feed?
Created by OnePlusYou

***
Do you talk too much in your blog?
Created by OnePlusYou

***
Eu devia estar trabalhando.

segunda-feira, abril 14, 2008

Stop fighting mondays

Eu sei, são 11h20. Por isso mesmo, o melhor vídeo EVAH.

sábado, abril 12, 2008

Anything and everything

Nos fins de semana eu acordo mais cedo só pra poder ficar mais tempo sem fazer nada.
***

Eli Stone. Estréia esse mês na... na... Ah, whatever. Jonny Lee Miller (moreno, nhé), advogadinho, tendo visões de George Michael. Well, I guess it would be nice. Nhé.
***

Daí você descobre que sua chefe tem um blog (não vou linkar a não ser que ela permita). E que vocês pensam bem parecido sobre algumas coisas :P Mas o mais engraçado não é isso. O mais engraçado é que ela é crente que você já sabia disso há séculos e ela até comentava o blog que achava que era seu HAHAHA.
***

O Herbert Vianna diz que todo amor dorme numa caixa, numa gaveta, numa sala escura.
Eu preciso largar de vagabundagem e covardia, comprar um bom antialérgico e abrir minha caixa, e lavar os pequenos bichos de pelúcia que eu chamava de filhos, e jogar fora os frasquinhos de shampoo e os papéis de presente e os laços de fita que vieram com as flores, e ficar com só o que realmente importa: as cartas, as fotos, os cartões de aniversário de namoro, os bilhetes. Porque quero ter menos coisas, preciso guardar menos coisas, mas disso tudo é tão difícil me livrar... Mas dessas outras coisas, as menos importantes, estou certa de que receberia um olhar de aprovação.
O lance é que eu não sei como é esse sono e se não vou ter de acender a luz.
***

Eu sou uma pessoa muito rica e fútil que quer reformar jóias antigas. Mas não faço idéia de no que transformá-las. Alguém ajuda?
***

Momento Um Elefante Incomoda Muita Gente: sonhei que não deixava uma pessoa dormir porque ficava brincando com os dedos dos pés dela. Nem vou falar qual pessoa, porque Freud viria em zumbi me bater. Minha ex-sogra analista, então. Bom, pra bom entendedor, a pista está por aí. O.o
***

Momento Ângela Morra de Inveja :D :D :D

Fiquei dodói


Na quinta eu fiquei dodói e trabalhei em casa, na cama. Laptop no colo, Freddy dormindo no meu pé, um documentário Discovery sobre ornitorrincos e edqnas. E um Ovomaltine quentinho que não deu pra pegar com o celular. No fim, nem foi tão ruim ;)

quinta-feira, abril 03, 2008

You were rickrolled


Essa história de "You've been rickrolled" que está rolando (duh) na Internet, sinceramente, não tem graça nenhuma. Não que eu tenha sido pega ou algo assim, só ouvi falar do assunto via blog do Inagaki - de onde roubeu o genial gráfico que ilustra o post e onde ele explica a coisa toda - e vi um amigo cair numa dessas. Não sou mau humorada, mas não tem a menor graça... Principalmente para as pessoas que convivem comigo, que agora têm de me aguentar cantarolando as músicas do cara (Rick Astley - alguém manda o torrent? haha), que eu sabia de cor e salteado nos idos de... Bem... Faz tempo. Tanto tempo que meus coworkers de 25 nunca ouviram falar no cara =P :)

terça-feira, abril 01, 2008